Manual do Iniciante
 
 

MANUAL DO INICIANTE



Este é o manual do jogador de Meteorus. Sua intenção é informar o básico para que o jogador possa viver, equipar e desenvolver seu planeta da forma mais eficiente possível. Não há um guia definitivo para o jogo, pois novas estratégias estão sempre sendo criadas pelos próprios jogadores.

Aqui você terá uma visão geral e os primeiros passos para que possa seguir seu caminho sem se tornar um alvo muito fácil para outros planetas.

Linguagem

Procuramos ser o mais simples e claros possível, pois não se pode aprender tudo no manual. O verdadeiro conhecimento virá com a prática de cada jogador.

Outras Fontes de Informação

Além deste manual, não deixe de frequentar o Forum do Meteorus, onde você aprenderá estratégias, trocará idéias com jogadores mais experientes e, principalmente, poderá tirar qualquer dúvida.

As páginas de cada opção do jogo contém pequenos textos informativos, fornecendo uma noção de como funciona e para que serve aquela tela.

Se você tiver alguma dúvida ainda não repondida após consultar este manual, você pode perguntar no fórum de discussão ou diretamente a nós, através do Suporte.



O JOGO
Introdução

Meteorus é um jogo de estratégia gratuito online para múltiplos jogadores. Cada jogador é dono de um planeta que deve ser desenvolvido e equipado a fim de que este se torne o mais poderoso do universo.

O planeta do jogador fica localizado em um quadrante sorteada pelo jogo no momento da inscrição. Cada quadrante comporta 15 jogadores, que devem conviver e cooperar entre si para o desenvolvimento mútuo, uma vez que além do ranking de planetas, também há o ranking de quadrantes.

Cada quadrante possui organização política e ferramentas de integração entre os planetas que a compõem. Através de eleições é escolhido o Comandante do Quadrante, que deve, então, escolher os Ministros das Comunicações, do Desenvolvimento e da Guerra. Cada um dos cargos confere bônus, atribuições e opções específicas no jogo, não disponíveis aos outros planetas do quadrante. Para maiories informações, leia o Manual dos Cargos do Quadrante.

Como na vida real, para conseguir aumentar o patrimônio do seu planeta você precisará de dinheiro, que no Meteorus são três tipos de recursos: Metal, Cristal e Eônio. Os recursos são minerados de meteoros, que você deve acumular durante o jogo. Quanto mais recursos seu planeta tiver, mais naves você conseguirá construir e mais desenvolvido seu planeta será.

Embora a vida de um jogador possa ser pacífica, isto é muito improvável, pelo fato de que quanto mais meteoros você tiver, mais atenção você vai chamar, pois os meteoros podem ser roubados durante um ataque. Assim sendo, a quantidade e variedade de naves que compõem a frota de um planeta são muito importantes.

100% Internet

Meteorus é um jogo 100% via internet. As facilidades que esta forma de funcionamento lhe dão vão desde o fato de que não há necessidade de qualquer download ou compra de programas até a independência do computador que você usa para jogar, pois tudo fica armazenado em nossos servidores.

Você pode, por exemplo, dar uma olhada na situação do seu planeta antes de sair de casa, depois olhar no trabalho, na casa de um amigo e depois novamente em casa, quando você chegar de noite.

Tempo Real

Cada ação de um jogador demanda uma quantidade de tempo. Este tempo é medido em ticks: 1 tick é a ocorrência de 1 hora no jogo em rounds oficiais. Seguindo este conceito, se você manda uma frota atacar um planeta e o tempo de deslocamento desta frota até ele é de 9 ticks, isto significa que 9 horas depois do envio, suas naves chegarão lá e combaterão a frota local.

Desta forma, você pode lançar uma frota para atacar ou ajudar na defesa de um outro planeta na hora do almoço e conferir a evolução e o resultado à noite.

Dedicação

Você já deve ter percebido que Meteorus não é um jogo que exige de você a concentração da sua atenção por longos períodos de tempo; você precisa apenas checar de vez em quando como anda a situação do seu planeta, encomendar a produção de naves, lançar uma frota ou algo parecido.

Você vai gostar da sensação de que você está na empresa trabalhando, mas você sabe que seu planeta está lá, minerando recursos em seus meteoros para você usar quando puder entrar no jogo.



RAÇAS
Introdução

O universo é vasto e 5 raças que o habitam são conhecidas. Cada uma tem suas próprias características, vantagens e desvantagens. O jogador, ao fazer sua inscrição, deve escolher uma delas.

Os planetas de todas as raças desenvolvem-se na mesma árvore tecnológica. As diferenças se aplicam às naves que irão em sua frota. Para conferir as características das naves de cada raça, consulte a seção NAVES deste mesmo manual.

Os Humanos

A raça humana tem no equilíbrio entre dano e resistência seu ponto forte. Suas naves causam um dano considerável nas naves inimigas e resistem a uma boa quantidade de disparos. Uma vantagem desta raça é a alta resistência aos NEM dos Tantra.

Os Tantra

A raça tantra é adepta da filosofia e da arte. Os tantra acreditam que ninguém sai ganhando com a violência e preferem a diplomacia à guerra. Assim sendo, desenvolveram a tecnologia N.E.M. (Neutralizadores Eletro-Magnéticos) que não destrói as naves adversárias, apenas as paraliza por 1 tick. O disparo de um NEM é certeiro e nunca erra o alvo. 2/3 das naves dos Tantra são equipadas com NEM e o restante causa danos em seus inimigos. As naves equipadas com NEM são sempre as primeiras a atirar em combate.

Os Xantii

A raça xantii é puramente guerreira. Os instintos e reflexos de seus indivíduos são totalmente voltados para a batalha. Não há honra maior que a morte em combate. As naves dos Xantii possuem alto poder de destruição. A concentração de esforços no poder de fogo tem seu preço: as naves Xantii tem fuselagem fraca, sendo destruidas ou neutralizadas mais facilmente. Tecnologicamente, os Xantii são muito avançados e detêm a tecnologia da invisibilidade o que faz com que suas naves sejam invisíveis. Qualquer outro jogador saberá que há uma frota Xantii em deslocamento, mas não saberá, num primeiro momento, de quantas naves esta frota é composta.

Os Infesta

A raça infesta é uma praga insetóide. Os infesta surgiram no universo como nuvens de naves que dizimaram vários planetas e inúmeras frotas. As naves infestas são muito rápidas e de baixo custo.

Os Simbion

Não se sabe a origem dos Simbion, seres robôs dedicados à assimilação das naves inimigas. A assimilação é uma tecnologia única, disponível 2/3 de suas naves, que roubam naves inimigas e as acrescentam à sua frota. As naves dos Simbion envolvidas na assimilação são perdidas. O restante de suas naves causa dano aos inimigos.



O UNIVERSO
Todos Juntos

Todos os planetas (e, consequentemente, os jogadores também) estão posicionados em coordenadas específicas dentro do mesmo universo. Assim sendo, você vê, analiza e ataca os planetas de quaisquer outros jogadores e pode ser visto, analizado ou atacado por eles.

Isto é o que realmente faz a diferença em Meteorus: Você não joga contra uma inteligência artificial e previsível. Você joga contra outras pessoas reais, do país inteiro.

Organização

O universo conhecido foi mapeado em setores e quadrantes, para efeitos de navegação interplanetária. Cada setor possui 10 quadrantes. Cada quadrante comporta 15 planetas, o que resulta em 150 planetas em cada setor.

Deslocamento

Os deslocamentos dentro do próprio quadrante consomem poucos ticks e combustível; em quadrantes no mesmo setor consomem mais ticks e combustível e deslocamentos mais longos, para outros setores, dispendem muito mais ticks e muito mais combustível.

Cada planeta possui sua própria coordenada, no formato setor:quadrante:slot. Desta forma, uma coordenada típica de um planeta seria 22:4:8), o que significa que ele está localizado no setor 22, quadrante 4 e é o 8º planeta na lista.

Deslocamentos para os planetas 1 a 15 do mesmo quadrante 4 no setor 22 consomem o mínimo de ticks e combustível. Deslocamentos para as quadrantes 1 a 10 dentro do setor 22 consomem uma quantidade média de ticks e combustível. Já deslocamentos para outros setores, de 1 até a quantidade existente, consomem muito mais ticks e combustível.



QUADRANTES
Conceito

Quadrantes são agrupamentos de 15 planetas de jogadores, que, teoricamente, serão companheiros durante o round e que somam pontos juntos a fim de estar entre os mais poderesos quadrantes do universo.

Seus companheiros de quadrante serão os aliados mais próximos que você terá. Os que chegarão mais rápido para ajudar a defender seu planeta no caso de você sofrer um ataque e com quem você deve trocar informações e experiências.

Enfim, seu quadrante é a sua turma. Integre-se com eles, comunique-se, converse, discuta estratégias e, acima de tudo, coopere. O segredo para vencer no Meteorus é a cooperação mútua.

Nome e Bandeira

Cada quadrante recebe um nome, definido pelo Comandante eleito pelos seus integrantes, e pode também ter uma imagem como "bandeira". Esta imagem deverá estar localizada num servidor externo ao Meteorus, num outro site qualquer.

Forum Privado

Os Quadrantes possuem um fórum de discussões privativo, ao qual apenas os seus integrantes têm acesso. Esta é a principal ferramenta de comunicação e integração. Aqui os companheiros de quadrante podem combinar ataques, pedir ajuda e discutir sobre tudo o que diga respeito à sua "comunidade".

Fundo de Recursos

O Quadrante dispõe de um fundo mútuo de recursos, onde ficarão armazenados Metal, Cristal e Eônio doados pelos seus integrantes. Os integrantes do quadrante podem fazer trocas de recursos com ele, a uma pequena taxa de desconto (definida pelo Ministro do Desenvolvimento).

Para se iniciar as trocas o fundo deverá ser preenchido com doações dos integrantes do quadrante.

Pontuação

O score e quantidade de meteoros de todos os planetas que integram o quadrante são somados para definir a sua pontuação. Esta pontuação irá compor o ranking de quadrantes.

Portanto, seu quadrante estará bem colocada no ranking se você e os seus companheiros estiverem se saindo bem. Mais uma vez, está reforçada a necessidade de união e entendimento entre os planetas. Se um companheiro seu for atacado e ninguém o ajudar, ele perderá muitos pontos e, consequentemente, o quadrante também.



SEU PLANETA
Visão Geral

Você é o líder de um planeta. Isto significa que você é o reponsável por desenvolvê-lo, equipá-lo e administrá-lo. Para crescer você precisará se comunicar, ajudar, pedir ajuda, atacar outros planetas, combater os que te atacarem e juntar muitos meteoros a fim de aumentar sua capacidade de produção de recursos.

A vida de um líder não é fácil, e você em breve descobrirá intrigas, traições, amigos, debates, discussões e tudo o mais que a convivência de um grupo de seres humanos acarreta. Afinal, não se esqueça, você está jogando contra outras pessoas, que tem idéias e opiniões diferentes das suas, embora tenham o mesmo objetivo que você: Crescer e prosperar.

Recursos

Recursos são o dinheiro do Meteorus. São três tipos: Metal, Cristal e Eônio. Tal como na vida real, você não consegue produzir, comprar ou movimentar qualquer coisa sem os devidos recursos.

Os recursos são obtidos da mineração nos meteoros. Quanto mais meteoros um planeta possuir, maior a capacidade de extração de recursos por tick e maior a quantidade de "dinheiro" disponível.

Metal: O metal é necessário para a construção de praticamente todas as estruturas e unidades físicas, de fábricas a naves.

Cristal: O cristal é necessário a todo tipo de construção, incluindo as ondas utilizadas no transmissor do planeta. Dependendo da raça escolhida pelo jogador, a construção de naves pode demandar uma extração maior de cristal dos meteoros.

Eônio: O eônio é um gás utilizado basicamente como combustível pelas naves, embora também seja necessário na produção de ondas de rádio. Um planeta só poderá lançar uma frota de ataque ou defesa se tiver a quantidade de eônio necessária (determinada pela quantidade e variedade de naves a serem enviadas, uma vez que cada nave tem um consumo específico).

O planeta tem uma produção básica de 250 unidades de cada recurso por tick. Tal produção é muito baixa e logo você precisará encontrar mais meteoros.

Importante, os primeiros 72 ticks do jogo, a opção da troca de recursos fica indisponível para todos os planetas, o Ministro do Desenvolvimento também não poderá fazer doações para outros planetas.

Meteoros

Meteoros são o patrimônio mais importante de um planeta. Dos seus meteoros são extraídos os recursos que lhe permitirão pesquisar, construir e produzir.

Cada planeta começa com 3 meteoros não-iniciados. Um meteoro não-iniciado, ou livre, não produz recurso algum e não soma nada ao score do planeta. Para haver produção, um meteoro precisa ser iniciado em um determinado recurso, a ser escolhido no momento da iniciação.

O primeiro meteoro que você iniciar terá um custo de 1.000 unidades do recurso do meteoro iniciado. Este custo é progressivo, sendo acrescido de 250 unidades do recurso a cada novo meteoro iniciado.

É importante lembrar que meteoros podem ser roubados durante um combate, desde que o planeta atacante tenha incluído naves do tipo "COLETORA" na forta de ataque. Coletoras são naves comuns a todas as raças e são as únicas capazes de roubar meteoros do planeta atacado. Portanto, você precisará produzir naves para compor uma frota de defesa para o caso de ser atacado.

Notícias

A página de notícias lhe mantém informado sobre o que está acontecendo com o seu planeta. Ali você vai encontrar, por exemplo, o aviso de que há uma frota, seja ela amiga ou inimiga, se deslocando em direção ao seu planeta. Você saberá também se alguém utilizou ou tentou utilizar ondas de rádio para obter informações do seu planeta, se alguma pesquisa ou construção foi concluída e se houve algum combate em que sua frota esteve envolvida, entre outras coisas.

Tecnologia

Seu planeta precisa ser desenvolvido para que você produza mais tipos de naves, ondas e canhões de defesa planetária, reduzir o tempo de deslocamento de suas frotas, ampliar sua capacidade de mineração de recursos e muito mais. Enfim, você precisa desenvolver seu planeta para prosperar e se tornar maior e mais cheio de recursos.

Muitos itens precisam ser pesquisados antes de construidos. Outros podem ser construídos diretamente, sem necessitar de pesquisa. Basicamente, uma pesquisa concluída habilita a construção de uma unidade de produção do ítem pesquisado.

Apenas 1 ítem pode ser pesquisado por vez, assim como apenas 1 ítem pode ser construído por vez. Porém, uma pesquisa e uma construção podem ser realizados simultaneamente.

À medida que a pesquisa ou construção de um ítem for concluída a "árvore tecnológica" avança, para que o ítem imediatamente posterior possa ser pesquisado ou construído.

Para mais informações sobre pesquisa e construção, consulte o apêndice "Árvore Tecnológica" deste manual.

Naves

É nesta página que as naves serão construídas. Quanto mais avançado tecnologicamente o seu planeta estiver, mais opções de naves você terá para produzir. Cada nave tem um custo em recursos e você poderá produzir tantas unidades de determinada nave quanto a quantidade de recursos "em caixa" do seu planeta permitir.

Ondas

Ondas são enviadas pelo transmissor do planeta a fim de obter informações sobre outros planetas no universo. Com elas você pode descobrir o que um planeta possui, quantas e quais naves ele possui, onde se encontra cada frota no universo e muito mais.

Para lançar ondas é necessário que você tenha Amplificadores de Ondas.

Há também os refletores de ondas, que tem uma chance de desviar ondas transmitidas por inimigos, impedindo que outros planetas retenham informações sobre você.

Sistemas de Defesa Planetária - SDP

Os sistemas de defesa planetária, ou SDP, são canhões e dispositivos que ajudam seu planeta a se defender de ataques inimigos.

Os canhões são unidades imóveis localizadas na superfície do planeta que atiram em frotas inimigas no caso de um ataque ao seu planeta.

Uma particularidade dos canhões de defesa planetária é que eles são dotados de boa fuselagem, porém, são sempre os últimos a atirar num combate.

Frotas

Seu planeta possui 4 frotas: uma é a base, que não se move está sempre pronta a defender seu planeta e 3 que podem ser utilizadas para ataque ou defesa em outros planetas.

Nesta página você pode deslocar as naves entre as frotas ou enviar frotas para atacar ou defender outros planetas.

Toda nave que fica pronta é colocada automaticamente na Base. Você pode, então, transferí-la para uma frota qualquer se assim desejar.

Dependendo do número de naves e do consumo de eônio (combustível) de cada uma, lançar uma frota pode custar mais ou menos eônio. Ordenar que uma frota retorne para o seu planeta, após lançá-la, não lhe devolverá o eônio gasto, mesmo que ela não tenha chegado ao destino.

Pontuação

A pontuação de um planeta é calculada com base em tudo o que ele possui denominado patrimonio.

A quantidade de recursos é computada em 1/20 (5%) pontos; ou seja: 1000 unidades de metal somam 50 pontos ao score.

As naves, ondas e SDP somam na relação de 1/10; ou seja, uma nave que tenha custado 800 unidades de metal e 200 de cristal (1000 unidades ao todo) acrescentará 100 pontos ao seu score. Meteoros iniciado ou não somam 250 pontos ao score.



COMBATE
A Grande Atração

O combate é o ponto chave de Meteorus. É através de combate que os planetas crescem, roubando meteoros e recursos uns dos outros, ou diminuem se não tiverem uma frota capaz de preservar seu patrimônio. É no combate que os grandes são derrubados e que os pequenos se mostram valorosos.

Enfim, no combate repousa toda a glória do Meteorus e é ele a maior atração neste universo de diplomacia, muitas vezes hostil mas também repleto de cooperação e amizade.

Naves

Há 68 naves diferentes no jogo, sendo 12 de cada raça e 8 comuns (Coletoras e Extratoras) a todas elas, as Coletoras são as únicas naves capazes de roubar meteoros de um planeta atacado; enquanto as Extratoras são as únicas naves capazes de roubar recursos de um planeta atacado.

Cada nave possui uma série de características que a tornam única no universo. Entre estas características, além das que influenciam diretamente no resultado do combate, como o poder de fogo e a resistência da fuselagem, há também a iniciativa que indica a ordem em que a nave vai atirar e as classes de alvo, pois uma nave atira apenas em outras naves que pertençam a determinadas classes.

As características de cada nave são:

Nome: Nome pelo qual a nave é identificada no jogo.

Classe: Classe a que a nave pertence. A classe tem a ver com seu tamanho, poder de fogo e resistência da fuselagem. Quanto maior a classe, mais dano ela causa ou mais resistência ela tem. As classes podem ser, da menor para a maior: Caça, Corveta, Fragata, Destroier, Cruzador e Nave-Mãe.

Alvo 1: É a classe de naves em que esta nave atira primeiro. Caso não hajam naves desta classe para ela atingir, os tiros serão disparados nas naves da classe de alvo 2.

Alvo 2: É a classe de naves em que esta nave atira em segundo lugar. Caso não hajam naves desta classe para ela atingir, ela não faz nada. Note que se todas as armas disponíveis já tiverem atirado nas classes de alvo anteriores, as naves desta classe não serão atingidas por esta nave, pois não há mais armas disponíveis para atirar.

Iniciativa: É a ordem em que esta nave irá atirar num combate. Quanto menor a iniciativa, mais cedo esta nave vai atirar. Por exemplo: Uma nave de iniciativa 1 (as naves com NEM dos Tantra) são sempre as primeiras a atirar, enquanto as naves-mãe e os canhões de defesa planetária são sempre os últimos, pois tem iniciativa em torno de 150.

Fuselagem: Indica a quantidade de dano que uma nave pode sofrer antes de ser destruída. Quanto maior a fuselagem, mais tiros a nave pode receber.

Metal: Número de unidades de metal necessárias para se construir uma unidade desta nave.

Cristal: Número de unidades de cristal necessárias para se construir uma unidade desta nave.

Combustível: Quantidade básica de combustível, ou número de unidades de eônio, necessária para se enviar esta nave numa frota para atacar ou defender outro planeta. A quantidade de eônio necessária para se lançar uma frota é determinada pela soma da quantidade de combustível necessária para se lançar cada nave que a compõe. Quanto mais longe o planeta destino, mais eônio será necessário para lançar a nave.

TAD: Tempo Até o Destino. Indica o número mínimo de ticks necessários para que a nave chegue até o destino. Este número muda de acordo com a localização do planeta que está sendo atacado ou defendido. Um planeta dentro do próprio quadrante terá um acréscimo mínimo ao TAD desta nave. Um planeta fora do quadrante mas dentro do seu setor demandará um TAD mais alto. Um planeta fora do seu quadrante e do seu setor demandará um TAD ainda mais alto.

Tipo: Indica a habilidade especial que esta nave possui. As naves dos humanos e infesta não possuem habilidades. Algumas naves Tantra possuem NEM, as Xantii são invisíveis, e algumas naves dos Simbion são de assimilação.

<--- Voltar